Igreja Matriz

Nossa História

Fundada em oito de dezembro de 1869, a Igreja de São João Batista levou anos para ser construída. O Pe. Jacob Joye, que veio com os suíços fundadores da cidade em 1819, foi quem conseguiu o terreno com o Barão de Nova Friburgo, sendo ele foi o seu primeiro pároco. Em 3 de janeiro de 1820 foi criada por decreto de Dom João VI, ratificado no dia 11 de janeiro de 1820 pelo Bispo do Rio de Janeiro, Dom José Caetano da Silva Coutinho. Em 25 de agosto de 1985 foi consagrada Catedral de Nova Friburgo por Dom Clemente José Carlos Isnard, OSB.

A Catedral de São João Batista é patrimônio da cidade de Nova Friburgo e do Estado do Rio de Janeiro, recebendo tombamento pelo INEPAC na década de 80. É uma Igreja de portas abertas no coração de nossa cidade!

Informações sobre a Igreja Matriz de São João Batista, Catedral de Nova Friburgo.
Cartão Postal antigo mostrando a Praça Presidente Getúlio Vargas e a Igreja de São João Batista

Nossos Padres

Padre João Machado Evangelho

Padre João Machado Evangelho

Nascimento: 16/09/1947
Ordenação: 25/09/1976

Pároco da Paróquia São João Batista,
Catedral de Nova Friburgo, posse em 06/08/2020

Funções anteriores:
Pároco da Paróquia São Paulo Apóstolo, em Macaé.

Padre Celso Henrique Macedo Diniz

Padre Celso Henrique Macedo Diniz

Nascimento: 05/06/1983
Ordenação: 07/12/2013

Vigário Paroquial da Paróquia São João Batista,
Catedral de Nova Friburgo, posse em 06/08/2020

Funções anteriores:
Pároco da Paróquia Santa Maria Madalena,
em Santa Maria Madalena.

Nosso Bispo

Dom Luiz Antonio Lopes Ricci

Nascimento: 16/05/1966
Ordenação Presbiteral: 10/07/1997
Consagração Episcopal: 16/07/2017

Lema Episcopal:
Fecit Mihi Magna
que em português significa
“Fez em mim maravilhas” (Lc 1, 49)

5º Bispo de Nova Friburgo, posse em 04/07/2020

Funções anteriores:
Bispo Auxiliar da Arquidiocese de Niterói.

Mais informações… clique aqui.

Seja Dizimista da Catedral de São João Batista

Dízimo não é obrigação nem imposto. Nem tampouco uma troca de favores ou pagamento por algum lugar no céu. Dízimo é o reconhecimento de que somos parte de algo maior e que somos muito abençoados.